Líder ou Chefe?

Líder ou chefe?

“Grandes líderes cultivam um ambiente no qual, em vez de as pessoas serem feridas, desencorajados e desiludidas, são equipadas para se transformar naquilo que nunca pensaram poder ser e para realizar coisas que jamais imaginaram poder alcançar. Grandes líderes fazem crescer não somente os resultados, mas também as pessoas.” (Henry Cloud)

Eu acredito (e vivo) uma liderança voltada para pessoas! O que faz uma empresa alcançar seu ápice ou uma equipe ser imbatível é o nível de comprometimento das pessoas envolvidas. Pessoas são o que há de mais valioso por trás de toda marca, serviço ou produto de sucesso.

Uma equipe valorizada, incentivada, que percebe a importância do seu trabalho no resultado final da empresa, o faz com prazer quando tem um ambiente agradável, propício ao crescimento pessoal (além do crescimento profissional) e um líder inspirador.

Para ser chefe, basta um cargo, uma posição. Mas para ser um líder, é preciso que sua equipe te reconheça como tal. Que esteja alinhada aos seus objetivos e comprometida com as metas propostas.

Uma equipe engajada, não só “veste a camisa” da empresa ou do negócio, mas se sente parte. Porque de fato é!

Não existe sucesso consistente solitário. Um bom líder precisa gerar um ambiente de crescimento para todos. Lutamos juntos, crescemos juntos, vencemos juntos! ❤️

Gentileza

 

Ontem foi comemorado o Dia Mundial da Gentileza!

“Mas todo dia é dia da gentileza!”

Onde gente??? As pessoas que você encontra de manhã cedo, te dão um sorriso amável e um animado bom dia? Te dão passagem no trânsito ? Se levantam no ônibus, para que as pessoas mais experientes possam sentar? Deixam alguém, com pouca coisa na mão, passar na frente da fila? São simpáticas? Te oferecem ajuda quando você está com as mãos cheias de sacolas do supermercado ? Ou carregando a criança dormindo no colo + bolsa + mochila + sacola do supermercado? 

A triste realidade é que gentileza está em falta! Quase em extinção ! 

Sou super a favor de termos um dia específico para lembrarmos dessa gentileza que tanto sonhamos. Mas não só isso: deveríamos divulgá-la, incentivá-la, exercitá-la, até que ela se torne real! 

Pequenos gestos podem mudar o mundo de alguém, podem mudar o nosso! E não precisa ser apenas ontem ou hoje! Temos toda uma vida para fazer a diferença na vida das outras pessoas, de alguma forma. Sempre há uma forma! Sempre há alguém precisando de um sorriso, de um gesto amável, de uma gentileza inesperada! Que tal começar agora? 

img_2655

O que você vê?

IMG_1690

“Tentar ver as coisas da forma mais simples pode torná-las incríveis.”

A simplicidade é a chave para uma vida mais leve, mais tranquila e mais feliz. Isso não quer dizer que não possamos ter grandes sonhos. A vida tem mais haver com a maneira com a qual usufruímos e compartilhamos as nossas realizações pessoais, do que necessariamente com o que conseguimos alcançar. A grande diferença está no lugar que as coisas ocupam no nosso coração, com o valor real que elas tem para nós. É sabermos distinguir o que é “fim” e o que é “meio”. É perceber que tudo o que há de mais precioso, não se pode comprar: amor verdadeiro, amizades sinceras, saúde, uma família emocionalmente saudável, o céu… uma boa lembrança… o sorriso de um filho… um colo de mãe… um ombro amigo nas horas difíceis.

A verdade é que complicamos demais! E esquecemos de agradecer pelo muito que já temos. A maneira como vemos as coisas (e as pessoas), interfere diretamente nas nossas ações, reações, palavras e pensamentos. Que tenhamos “olhos bons”, para que todo o nosso corpo e a nossa vida tenham luz!

Destaque

Floresça!

IMG_2292

Florescer… florear, florir. Em um sentido mais amplo: desenvolver-se, evoluir, progredir. Para as flores, um curso natural em um ambiente propício e saudável, para nós… nem tanto. Exige um esforço a mais nosso, além do ambiente e das circunstâncias. Envolve um despertar, um reconhecimento, uma busca por algo mais. Sair da área de conforto, aceitar um novo desafio, percorrer um caminho até então desconhecido… nada disso é assim tão fácil.  Porém, algumas atitudes e decisões fazem toda a diferença: encher o peito de coragem, de atitude, de auto-confiança, uma boa organização, planejamento, enfim… o nosso florescer depende de nós! Primeiro, florescemos por dentro, transformando a nossa mentalidade, abrindo mão das nossas limitações e quando necessário, procurando ajuda. Depois o transbordar acontece! E é lindo! Acredito que é possível para todos. Temos a capacidade de aprender com as nossas experiências, “digerí-las” bem e recomeçar. Não importa quão forte foi a tempestade… sempre podemos florir outra vez!